Pesquisa detecta cores que atraem o Aedes

O Aedes aegypti, causador de dengue, zika e chikungunya, é atraído por cores específicas, como ciano (tom de azul), laranja e vermelho. A descoberta foi realizada pelos pesquisadores da Universidade de Washington e publicada na revista Nature Communications. Os cientistas detectaram essa preferência utilizando um grande túnel de vento e um sistema de visão computacional….

Indaiatuba expande iniciativa com mosquitos transgênicos

O uso de mosquitos geneticamente modificados no combate ao Aedes aegypti, vetor responsável pela transmissão dengue, zika e chikungunya, já é uma realidade em diversas partes do mundo. No Brasil, a cidade de Indaiatuba (SP) conseguiu reduzir em 95% a população do mosquito com a implantação do projeto Aedes do Bem!, que utiliza essa tecnologia….

Cientistas descobrem como inativar visão do Aedes e evitar picada

Pesquisadores da Universidade de Santa Barbara, na Califórnia, desenvolveram estudo para entender como as fêmeas do Aedes aegypti usam a visão para reconhecer humanos. Eles descobriram que com a inativação dos receptores de luz dos olhos do mosquito transmissor da dengue, eles perdem a capacidade de reconhecer alvos escuros. O estudo é um dos primeiros…

Pesquisadores da UFPB criam inseticida que mata o Aedes aegypti

A Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa Algodão)  desenvolveram um inseticida capaz de matar o Aedes aegypti, transmissor de doenças como dengue, chikungunya, zika e a febre amarela. O inseticida é feito da polpa do agave (sisal), uma planta típica de região semiárida e cultivada no Nordeste, que…