Medidas preventivas ajudam a combater focos do mosquito no verão

Durante o verão, a  infestação do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, chikungunya, zika e febre amarela, é mais intensa. O calor e as pancadas de chuvas frequentes nessa época do ano favorecem a reprodução mais rápida do mosquito. Segundo dados do Ministério da Saúde, mais de 500 cidades brasileiras, estão em estado de alerta para surto de dengue, chikungunya e zika.

Como o mosquito gosta de água parada e limpa, é preciso intensificar os cuidados com a casa e o quintal para evitar os focos do mosquito, considerando que 80% dos criadouros estão em residências.  Confira algumas dicas para combater o Aedes:

 

Garrafas, pneus e plantas:  Faça uma vistoria cuidadosa no quintal, para limpar ou eliminar recipientes que possam acumular água, como garrafas, pneus, bacias, e entulhos em geral.  Não esqueça de verificar se os pratinhos onde ficam os vasos de plantas estão secos, limpos. No caso de plantas que acumulam água entre as folhas e flores, regue com a água sanitária na proporção de uma colher das de sopa por litro de água. Esta solução não faz mal às plantas e evita o desenvolvimento da larva do mosquito.

Ralos:  Despeje solução de água sanitária na proporção de uma colher das de sopa por litro de água em ralos de pias, banheiros e cozinha. Procure fazer a limpeza das pias e dos ralos à noite, antes de dormir, para que a água sanitária possa agir por mais tempo.

Vaso sanitário: Coloque o equivalente a duas colheres das de sopa de hipoclorito de sódio por litro de água no vaso sanitário, nos ralos do banheiro, cozinha e a área de serviço. Esse é um cuidado que se deve ter antes de viajar, quando a casa fica fechada por algum tempo.

Piscina: Mantenha a piscina tratada, mesmo que não esteja sendo usada. Com o tempo, o cloro pode evaporar, e a piscina se tornar um foco da larva do mosquito.

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *