Falta de cuidado com piscinas causa proliferação de Aedes em Ibiza

Destino turístico famoso pelas praias e baladas, o  arquipélago situado no Mar Mediterrâneo, que ainda está em quarentena, enfrenta além dos casos de coronavírus, uma infestação de mosquitos quatro vezes maior do que o normal. O motivo? Falta de cuidado com as piscinas.

As piscinas particulares e de hotéis, muitos dos quais estão fechados, não receberam uma manutenção adequada durante o período de quarentena, tornando-se criadouro  de mosquitos, entre eles o Aedes albopictus, conhecido como mosquito-tigre-asiático,  que causa dengue, zika e febre amarela.

O caso serve de alerta para quem tem casa de praia ou sítio com piscina e que, por conta do isolamento social, não está conseguindo frequentar esses locais. Não deixe de fazer a limpeza e manutenção semanal da piscina, usando cloro para tratamento da água, a fim de evitar a proliferação do Aedes aegypti. Se não for possível, cubra a piscina com lona, tomando o cuidado de evitando o acumulo de água na superfície.

Fonte: The Sun

Compartilhar: