Cidade de SP não registra mortes por dengue em 2020

A cidade de São Paulo não registrou mortes por dengue no ano passado, segundo dados da Coordenadoria de Vigilância em Saúde da capital. Além disso,  houve também uma queda de 88% nos casos da doença transmitida pelo mosquito Aedes aegypti, segundo a Rádio Bandeirantes. No ano passado, foram notificados 2 mil casos, ante 16 mil em 2019.

Segundo informa a Rádio Bandeirantes, o diretor da Divisão de Vigilância em Zoonoses, Werner Garcia, explicou que o resultado pode ser explicado pela sazonalidade da dengue, que tem picos a cada quatro anos – o último ocorreu em 2019.

Foram contabilizadas 14.952 ocorrências a menos em comparação a 2019, quando foram registradas três mortes. 

O diretor da Divisão de Vigilância em Zoonoses explicou à Rádio Bandeirantes que as variações climáticas afetam a proliferação dos mosquitos e que a pandemia também afetou o resultado do ano passado. Isto porque, disse ele, muitas pessoas deixaram de procurar o serviço de saúde temendo o  coronavírus e, portanto, os dados deixaram de ser computados no período. 

Compartilhar: